Início » ::gerúndio::

::gerúndio::

Ao ler a crônica “A Bisa“, de Rodrigo Pazzinatto, lembrei-me de um poema que fiz para o meu bisavô (saudade dele…).
Compartilho aqui com vocês:

Paula Davis

:: gerúndio ::

Parei tudo para comer morangos.
Não vou lavar louça, lavar roupa,
tirar cocô dos cachorros, nem abraçá-los agora.
Só morangos. Um balde deles.
Esses são vindos de longe,
das terras montanhosas de meu bisavô.
Lembro-me dele careca e cego na cadeira de balanço.
Sempre achei seu nome divertido: Levindo.
Nome que tem continuidade, andamento.
E cadeira de balanço indo e vindo.
Descubro que seu nome significa “canhoto”.
Não sei se ele era. Eu não sou.
Mas resolvo comer cada morango com a mão esquerda.
E vou comendo,
cheirando
saboreando,
engolindo,
sentindo,
lembrando.


Sobre meu bisavô

Levindo Furquim Lambert nasceu em abril de 1896 em Cambuí, MG.
Farmacêutico, veio para Belo Horizonte em 1932 para assumir o cargo de Assistente Técnico de Ensino.
Mestre por vocação, colaborou na formação de vários estudantes belorizontinos, lecionando em vários educandários.
Exerceu por muitos anos a presidência do Sindicato dos Professores de Minas Gerais.
Foi autor de vários poemas e sonetos e autor de obras literárias e teatrais, entre as quais o livro de contos “Cambuí”, o ensaio “Alguns aspectos de Machado de Assis” e “Biogeografia de uma cidade mineira”, onde retrata a vida, os costumes e a gente de sua cidade natal, além de “… e eu disse”, coletânea de seus discursos.
Músico por instinto, regeu em Cambuí a Banda de Música “Carlos Gomes”, que se especializou na execução de várias de suas composições.
Em Belo Horizonte, assumiu a direção do Conservatório Mineiro de Música (hoje Escola de Música da UFMG), cargo que exerceu por duas décadas, tendo saído ali catedrático de Dicção.
Com mais de 50 anos ingressou na Faculdade de Direito da UFMG, onde formou-se bacharel em Direito em 1954.
Chefiou, nas décadas de 50 e 60, os gabinetes dos secretários da Educação, da Agricultura, da Saúde e do Interior, tendo ainda exercido o cargo de Secretário da Educação do governo Juscelino Kubistchek.
Faleceu em julho de 1991.


Paula Davis na Quixote-Do:

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: