Lucidez

naquela vez fingimos que
qualquer água era mar
sentamos um ao lado do outro a
abrir um espaço no tempo e
um buraco no sol